SUASSUNA PEDE APOIO DO GOVERNO PARA ESCOLAS PRIVADAS QUE SOFRERAM COM A CRISE

Em pronunciamento no Plenário, nesta quinta-feira (19), o senador Ney Suassuna (Republicanos-PB) alertou para a difícil situação do ensino privado em consequência da pandemia da covid-19 e pediu um apoio efetivo do governo ao setor, segundo destacou, de grande importância para a formação das crianças e jovens. O parlamentar disse que muitas escolas tiveram que fechar suas portas devido a dificuldades financeiras.

— Nós tivemos no Rio de Janeiro mais de 4 mil escolas fechadas, nós tivemos em São Paulo quase 8 mil escolas fechadas, nós tivemos no Brasil centenas — centenas — de milhares de escolas fechadas. E por quê? Porque por mais que o governo diga que está ajudando a escola, ele não consegue fazer chegar o dinheiro que ele determina à mão do educador. E por quê? Porque se está passando dificuldades não tem chance de pegar dinheiro emprestad — afirmou.

Suassuna disse que a falta de liberação de recursos pelos bancos afeta inclusive centenas de centros de ensino evangélicos, mesmo estando isentos de diversos impostos. E destacou que a rede pública sofre uma enorme pressão, tendo dificuldades para absorver milhares de alunos que estão deixando o setor privado, pela impossibilidade de os pais pagarem as mensalidades.

O senador pela Paraíba ressaltou que se o Brasil quer se converter numa grande potência deve dar os recursos necessários tanto para o ensino privado quanto para o público e seguir o exemplo de países que revolucionaram sua educação, como a Coreia do Sul e a China.

Fonte: Agência Senado

 


Leia também: O IMPACTO DA REDUÇÃO DA CARGA HORÁRIA E DA SUSPENSÃO DO CONTRATO DE TRABALHO PREVISTOS NA LEI 14020/20 NO CÁLCULO DO 13º E DAS FÉRIAS

 

Compartilhe isso:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícias e Matérias