SUSPENSA LIMINAR QUE IMPEDIA RETORNO ÀS AULAS EM ESCOLAS PARTICULARES DE PE

O presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (TRT-6), desembargador Valdir Carvalho, aceitou nesta quinta-feira (8/10) os argumentos que foram apresentados pelo Estado e tornou sem efeito a liminar do juiz da 12ª Vara do Trabalho do Recife, que tinha suspendido a retomada das aulas presenciais nas escolas particulares do estado. Tal decisão de primeiro grau se deu no âmbito de ação civil pública proposta pelo Sindicato dos Professores no Estado de Pernambuco.

Em sua decisão, o desembargador considerou em que o planejamento de Pernambuco para o retorno gradual nas atividades presenciais foi

Compartilhe isso:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícias e Matérias