MINISTRO CONSIDERA DEMISSÃO DE 150 PROFESSORES REALIZADA POR UNIVERSIDADE DE ACORDO COM O TEXTO DA REFORMA TRABALHISTA

O ministro Ives Gandra da Silva Martins Filho, presidente do TST, garantiu a demissão de 150 professores de uma das maiores universidades de Porto Alegre/RS.

O Sinpro/RS – Sindicato dos Professores do Estado do Rio Grande do Sul ajuizou ação civil pública alegando que a dispensa ocorreu “de forma arbitrária e discriminatória”.

A Justiça do trabalho do RS concedeu liminar que foi mantida pelo TRT da 4ª região, suspendendo assim as dispensas.

Em correição parcial, a Universidade questiona a decisão proferida pela desembargadora do TRT

Compartilhe isso:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícias e Matérias